A Acadêmicos do Tatuapé foi a quinta escola a gravar sua faixa para o CD do Carnaval de São Paulo de 2020. Mesmo com o cronograma apertado por ser início de semana, a agremiação cumpriu o horário estabelecido, desde os preparativos até o horário de término. Empolgação é a palavra que resumiu à noite da escola. Todos os componentes do coral trouxeram balões nas mãos e cantaram forte o samba.

Em grande ascensão no carnaval nacional, o intérprete Celsinho Mody foi um dos responsáveis pelo clima alegre e contagiante do coral. Todo momento, o cantor pedia empolgação e orientou nos momentos de canto. O cantor mostrou muita segurança e comentou com o CARNAVALESCO o que o sambista ouvirá durante a reprodução da faixa.

“Quem for escutar encontrará muita musicalidade, a gente vem trazendo a essência verdadeira do violeiro do interior de São Paulo. Muito samba, muita batucada e muita alegria. Fizemos poucos ensaios, gravamos muito rápido, andamento firme de 148 BPM (batidas por minuto). Todos irão ouvir uma comunidade muito apaixonada pelas cores da escola”.

Nota máxima no último carnaval, a bateria Qualidade Especial demonstrou boa concentração durante a gravação oficial do áudio. A batucada optou por bossas explosivas e com os característicos apagões pra destacar o canto da comunidade. Mestre Higor revelou o andamento escolhido e comentou sobre a sensação da gravação.

“Foi uma gravação bastante legal, a gente tinha uma expectativa que conseguimos atingir. Os ritmistas são super dedicados, assim como toda a escola, foi muito bom realmente. A gente está muito feliz com essa gravação. Nós gravamos o samba em 148, e sobre as nossas bossas, a gente sempre trabalha na melodia do samba, jogamos algumas partes pra escola cantar, e o resultado é esse aí”.

(fonte: Carnavalesco – https://www.carnavalesco.com.br/empolgados-componentes-do-tatuape-gravam-com-maestria-o-samba-para-o-cd-do-carnaval-2020/)