A jornalista Cris Molina recebeu, na tarde desta terça-feira, 03/12, as responsáveis pela Rede Lilith, um espaço pensado por mulheres lésbicas que oferece cursos, oficinas e workshops para mulheres.

Stella Silva, Silvia Sakuma, Olga Rosa e Alexandra “Raposa” participaram do Sacode Geral ao vivo e explicaram porquê decidiram abrir o espaço. “Queríamos um lugar em que nos sentíssemos seguras e que atendesse as nossas necessidades”, explicou Stella.

A Rede Lilith oferece almoços de terça a sábado, das 11h30 às 15h. O cardápio, elaborado por Olga, é vegano e este é o único momento em que homens podem frequentar o local. “Optamos pela alimentação vegana pois faz parte de uma luta que acreditamos e que vai além do prato”, contou Olga. Aliás, a casa tem uma política criteriosa e só revende produtos que não contém substâncias animais e que não fazem testes em animais. “É uma filosofia de vida na qual acreditamos e seguimos”.

Qualquer mulher pode participar das atividades oferecidas pelo espaço, que mantém uma agenda atualizada semanalmente em suas redes sociais: instagram – @redelilith e facebook/redelilith. Quem se interessar, basta mandar uma mensagem no inbox e solicitar a inscrição nas atividades. “Os valores variam, mas são bem acessíveis, e temos uma comissão que avalia caso a caso, oferecendo um valor social para mulheres que não podem pagar, mas que querem participar”, explicou Silvia.

Segundo Stella, a casa não tem fins lucrativos e não possui nenhum tipo de incentivo financeiro, por isso, promovem atividades com a finalidade de arcar com os custos do local. “Temos um happy hour que acontece ocasionalmente às sextas-feiras, das 18h às 22h. Não funcionamos de madrugada porque temos a intenção de ser um centro de cultura com vida diurna, além da questão da segurança”, disse. Segurança é pauta principal da conversa com elas. O espaço oferece cursos de defesa pessoal e buscam desassociar diversão do álcool. “Nós até servimos bebidas alcoolicas, mas queremos mostrar que não é preciso beber para se divertir, pois a bebida deixa a mulher em estado de vulnerabilidade”, explicou Stella.

A Rede Lilith fica na Rua Anhanguera, 74, na Barra Funda.